quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Para o regresso


Pimpolha já tem tudo pronto para regressar à escola.
Está desejando de voltar a ver os seus amiguinhos, a professora e a escola, diz que já tem muitas saudades.
Está quase.


quinta-feira, 24 de agosto de 2017

As minhas comichões

As pessoas que falam, falam, não deixam mais ninguém falar.
Acabo por me calar....olha fala para aí.
Uma pessoa tem algo a dizer para esclarecer alguma coisa e não consegue abrir o bico.
Ainda ontem tive com uma pessoa assim, já sei como ela é. Tento falar mas não dá, ela é que sabe.
Então enfio a minha violinha no saco e pronto, ficas sem saber o que realmente se passou.


quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Cheia de dores de cabeça, é o que dá dormir pouco, que canseira.
Hoje só queria voltar para a cama e ficar lá umas boas horas.


terça-feira, 22 de agosto de 2017

Revolta

Farta de ligar a TV e ouvir constantemente a mesma noticia, fogos, incêndios, bombeiros, pessoas desesperadas, mortos.
Este ano têm sido um exagero, sabemos que incêndios vão existir sempre, todos os anos sabemos que é normal, mas como este ano não me lembro, tem sido uma devastação total.
Dói-me ver aquelas pessoas a tentar lutar contra os fogos para salvar a sua vida, o seu sustento, as suas coisas, as suas vidas inteiras.
E depois uns quantos a divertirem-se com isto, a atear fogos e depois vão para casa, e no verão não podem sair de casa, mas que palhaçada é esta?
Mas o que me revolta mais são aquela corja, dos nossos governantes que não fazem nada, uns revoltam-se por tudo e por nada, ai, ai...os funcionários públicos, coitados, tudo lhes cortam, não recebem, coitadinhos, trabalham tanto...agora os incêndios não os vejo fazerem nada, alterarem leis, pedirem relatórios do que se passa, o que anda a correr mal...despedirem ministros e protecção civil, é deixar arder tudo, para deixarmos de ter mata, aldeias e história.


segunda-feira, 21 de agosto de 2017

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Aqui por casa as noites têm sido muito complicadas.
O mais pequeno começou com os sustos, terrores nocturnos, sonhos, pesadelos, o que quer que seja.
Não é um bebé fácil para dormir e agora ainda mais.
Minha Pimpolha era tão mal de dormir, pelas mesmas razões, mas este consegue superar sua irmã.
Ai minha cama, tenho tantas saudades tuas.

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

quarta-feira, 2 de agosto de 2017