segunda-feira, 11 de agosto de 2014

3 meses

De tanta dor e de imensa saudade.
Fazes-me tanta falta mãe, do teu apoio, da tua amizade, da tua força, até da tua rabujice.
Há dias tão difíceis, tão dolorosos.
Custa tanto viver sem ti, não ver-te, não ouvir-te, não sentir-te...que dor imensa.
Dava tudo para que estivesses aqui connosco.
A vida foi muito cruel contigo, comigo, com a Pimpolha, connosco.
Amo-te tanto, minha mãe.


2 comentários:

  1. Beijinho grande minha linda!!!
    Há dias muito dolorosos sim, mas o tempo vai ajudando...

    ResponderEliminar